Protegendo nossas mentes

  • 05/09/2021
  • 0 Comentário(s)

Protegendo nossas mentes

Nossas mentes sofrem diversas consequências em função do consumo de pornografia. Alerta é feito pelo presidente mundial adventista e sua esposa.

Por Ted e Nancy Wilson

Ted Wilson: Saudações, amigos. Hoje temos um assunto muito sério e delicado para discutir com vocês, e estou feliz que minha esposa, Nancy, esteja aqui conosco para discutirmos este importante tópico juntos.

Nancy Wilson: Todos os anos, o departamento do Ministério da Mulher da Associação Geral coordena a organização mundial Dia de Ênfase do Enditnow® (na América do Sul chamado Quebrando o Silêncio), que será realizado no sábado 28 de agosto. Neste ano (em nível mundial), o foco é a violência juvenil e a pornografia. Esses não são assuntos normalmente discutidos e sabemos que alguns ficarão incomodados com o assunto. No entanto, é vital que reconheçamos o problema.

TW: A pornografia é um problema que infecta o mundo e, infelizmente, também existe dentro da igreja. Satanás está tentando encarcerar as pessoas – especialmente os jovens, neste vício cruel e terrível. Devemos encontrar maneiras de ajudá-los a lidar com os efeitos destrutivos e prejudiciais resultantes da pornografia. Com a ajuda de Deus, faremos a diferença em suas vidas e ajudaremos o processo de cura a começar.

NW: Não podemos ignorar o problema da pornografia. Seu uso tornou-se desenfreado. Afeta homens e mulheres de todas as idades. Não para nas portas da igreja e não para na casa da família. O silêncio e a vergonha apenas perpetuam o ciclo; não podemos ficar calados sobre isso.

TW: Uma declaração pública oficial sobre pornografia foi lançada em 5 de julho de 1990, pelo então presidente da Associação Geral, Neal C. Wilson, meu pai, após consulta com os 16 vice-presidentes mundiais da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Essa declaração pode ser encontrada no endereço: www.adventist.org/official-statements/pornography.

Consequências

Lê-se em parte: “Diversos tribunais e culturas podem debater as definições e consequências da pornografia (a literatura do desvio sexual), mas com base nos princípios eternos, os adventistas do sétimo dia de qualquer cultura consideram a pornografia destrutiva, degradante, dessensibilizante e exploradora”.

NW: “É destrutivo para os relacionamentos conjugais, subvertendo assim o desígnio de Deus de que marido e mulher se apegam tão intimamente um ao outro que se tornem, simbolicamente”, “uma só carne “, conforme referido em Gênesis 2:24.”

TW: “É degradante definir uma mulher (e em alguns casos um homem) não como um todo espiritual-mental-físico, mas como um objeto sexual unidimensional e descartável, privando-a, assim, do valor e do respeito que a ela é devido e justo como uma filha de Deus.”

NW: “É dessensibilizante para o espectador / leitor, calando a consciência e ‘pervertendo a percepção’, produzindo assim uma “pessoa depravada’”, conforme descrito em Romanos 1:22 e 28.

TW: “É explorador, cúmplice da lascívia e basicamente abusivo, portanto contrário à regra de ouro, que insiste em tratar os outros como se deseja ser tratado”, conforme indicado em Mateus 7:12. “Particularmente ofensiva é a pornografia infantil.” Disse Jesus, conforme registrado em Mateus 18:6, “Qualquer, porém, que fizer tropeçar a um destes pequeninos que creem em mim, melhor lhe fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma grande pedra de moinho, e fosse afogado na profundeza do mar”.

NW: Hoje compartilharemos com vocês alguns pontos de uma excelente apresentação preparada por Erica Jones, diretora assistente do Ministério da Mulher da Divisão Norte-Americana dos Adventistas do Sétimo Dia. Você pode baixar o seminário dela, “O problema com a pornografia: vício, abuso e aflição”, junto com muitos outros materiais úteis no endereço eletrônico: women.adventist.org/enditnow-day.

Estudos

NW: O uso de pornografia não é um problema pequeno. A idade média em que um jovem é exposto à pornografia é de apenas 11 anos. Diariamente, há 68 milhões de buscas por pornografia na internet e, infelizmente, 47% dos que se identificam como cristãos estão envolvidos com pornografia. Curiosamente, de acordo com pesquisas, 1/3 das mulheres usam pornografia regularmente.

TW: Estudos mostraram que ver pornografia tem efeitos negativos no cérebro.

Um estudo de 2016 examinou varreduras cerebrais de ressonância magnética de espectadores de pornografia e mostrou atividade aprimorada na parte do cérebro que desempenha um papel fundamental na tomada de decisão e comportamento relacionado à recompensa. Os cérebros dos espectadores estavam liberando dopamina em resposta à visualização de imagens eróticas.

A liberação contínua de dopamina que ocorre quando alguém assiste pornografia de forma crônica e compulsiva, na verdade altera o sistema de recompensa no cérebro.

NW: O vício muda literalmente seu cérebro. Estudos do cérebro mostram que, se alguém é viciado em pornografia, tende a ter problemas no trabalho e nas tarefas da vida diária. Quanto mais horas por semana alguém usa pornografia, menos volume de massa cinzenta ele tem em seu cérebro.

TW: A pesquisa mostra que o vício pode acontecer dentro de oito semanas. Pode começar com uma simples curiosidade, mas à medida que experimentamos os efeitos da dopamina, eles são absorvidos. Assim como uma droga, o espectador constrói tolerância e precisa de mais – e o que começou como curiosidade se transforma em vício, geralmente acompanhado de culpa e vergonha. A vergonha é o mais tóxico. A vergonha é diferente da culpa. A culpa diz “Eu fiz mal”, mas a vergonha diz “Eu sou mau”. Existe auto-aversão e uma sensação de inutilidade no centro da vergonha.

NW: Sentimentos de solidão costumam levar uma pessoa a se medicar com pornografia, e as gerações mais jovens de hoje são as mais solitárias da história. Uma pesquisa recente nos Estados Unidos mostrou que 30% dos nascidos entre 1977 e 1994 dizem que são solitários e 22% dizem que não têm amigos. Os nascidos depois de 1994 são ainda mais solitários. Além disso, estudos mostram que, se uma pessoa está cronicamente solitária, é muito mais provável que ela use pornografia regularmente.

TW: Esses são apenas alguns dos muitos efeitos devastadores da pornografia e, como igreja, precisamos estar cientes dessa situação e fornecer orientação para esperança e cura por uma variedade de meios. Novamente, muitos recursos bons podem ser encontrados no site: women.adventist.org/enditnow-day.

TW: Somente Cristo pode trazer a verdadeira cura. Somos informados em Romanos 12:2: “transformai-vos pela renovação da vossa mente”. Se você está lutando contra a pornografia, quando a tentação vier, pare e pense. Reconheça o que é e leve-o a Deus, pedindo-Lhe que lhe dê forças para resistir e fugir da tentação.

E Paulo nos diz para “fixar” nossos pensamentos no que é verdade. Em Filipenses 4:8 nós lemos: “Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento”. Nossos pensamentos podem ser muito poderosos, e somos instruídos aqui a fixar nossas mentes no que é puro, verdadeiro e correto.

NW: Se você está lutando contra o vício da pornografia, não há vergonha em obter ajuda. A cura é encontrada no reconhecimento do problema, chamando-o pelo nome e encontrando restauração na graça de Deus.

TW: Para encerrar, gostaria de compartilhar com você uma promessa muito encorajadora dos escritos de Ellen White. Se você acha que caiu muito para o Senhor salvar, esta promessa é especialmente para você: “Ninguém é tão baixo, tão corrupto e vil, que não possa encontrar em Jesus, que morreu por ele, força, pureza e justiça, se abandonar seus pecados, deixar sua conduta de iniquidade e volver-se de todo o coração para o Deus vivo. Ele está à espera de todos para tirar-lhes a vestimenta manchada e poluída pelo pecado e cobri-los com o branco e resplandecente manto da justiça; e ordena que vivam, e não pereçam. NEle podem prosperar.” (Testemunhos para a Igreja, Vol. 2, p. 453).

Amigos, eu os convido a alcançá-Lo hoje. Vamos orar juntos. Pai nosso que estás nos céus, nós Te agradecemos porque és a fonte de todo poder para vencer o pecado em nossas vidas. Quando a tentação vier, ajude-nos a nos voltar imediatamente para Ti, pois a tentação não é pecado de nossa parte, mas ceder à tentação. Sendo assim Senhor, nos colocamos em Tuas mãos, pedindo forças para resistir à tentação. Senhor, peço por aqueles que estão lutando com o terrível pecado debilitante da pornografia, que Tu os ajudes a encontrar alívio e salvação, e esperem em Ti enquanto resistem a esta tendência terrível, Senhor.

Ajuda-os a perceberem que nunca estão fora de Teu alcance, a menos que eles Te rejeitem completamente. Então Senhor, ajuda-os a buscar a Ti, e ajuda a cada um de nós, pois todos nós somos pecadores que precisam da graça de Jesus Cristo, e Sua justiça justificadora, e Sua justiça santificadora, para nos ajudar a nos tornarmos mais e mais parecido com Cristo. Obrigado por nos ouvir nesta oração, nos apoiamos completamente em Ti, em nome de Jesus pedimos.


#Compartilhe

0 Comentários


Deixe seu comentário








Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

Anunciantes